Contato Anuncie Loja Baixar Distribuidoras Selos Artistas Clipping Assessoria de Imprensa Quem Somos Serviços Agência Home Notícias Joao Duarte J.Duarte Design www.jduartedesign.com
Resenha: confira nova avaliação do primeiro trabalho da banda brasileira Hate By Hate

Resenha de CD originalmente publicada pelo portal Reidjou

Por Alex Viana

Nota: 08.5/10.0

Recebemos nesta semana este “An Ancient Hate Reborn” da HATE BY HATE, a nós cordialmente enviado pelo pessoal da MS Metal Records. Mesmo que enviado a nós pela gravadora, este disco foi lançado de forma independente, o que me pareceu bem estranho devido a sua qualidade.

O estilo praticado pelo HATE BY HATE é um Thrash Metal old school, com ótimas passagens Heavy, que completam uma salada vitoriosa e que não tem maiores pretensões de trazer algo novo pra cena. Este material é na verdade uma homenagem à época áurea do Metal nacional, bem naquela linha linha da cena brazuka dos anos oitenta, de nomes como Mutilator, Overdose, MX, Taurus, Vodu, entre muitos outros.

A produção é apenas correta, passando aquela aura rústica que o estilo exige, e a desenvoltura do vocalista Sandro, que tem como referências Bobby Ellsworth, Paul Baloff, Steve Souza e Mille Petrozza; justificam com sobras a funcionalidade do que foi proposto aqui. Uma pena o álbum conter pouco mais de trinta minutos, acredito que duas faixas a mais trariam mais robustez à experiência.

Com novo álbum prometido para 2019 pela sua atua gravadora, o HATE BY HATE iniciou seus trabalhos com o pé direito, e agora contando com uma grande estrutura por traz, facilmente ouviremos falar mais destes caras no Brasil e exterior. Como destaques, impossível não citar “Dry Land” e “Boundaries Of Nothing”!