Contato Anuncie Loja Baixar Distribuidoras Selos Artistas Clipping Assessoria de Imprensa Quem Somos Serviços Agência Home Notícias Joao Duarte J.Duarte Design www.jduartedesign.com
Resenha: confira segunda avaliação positiva para o debut álbum da paulista Brightstorm

Resenha de CD originalmente publicada pelo site Rumors Magazine

Por Henrique Leitão

Nota: 09.5/10.0

Logo de cara, preciso admitir, que nunca dei muita bola pra Symphonic Metal. Sempre achei muito chato esta mescla de vocais masculinos urrados e femininos líricos, mas aqui, neste primeiro trabalho da BRIGHTSTORM, “Through The Gates”, temos algo do que mencionei, mas com uma roupagem Gothic Metal, que redireciona seu som para caminhos mais palatáveis.

Sim, os elementos oriundos do Symphonic existem, mas a aura Gothic meio que fica por cima em 99% dos momentos deste CD. A responsável direta por isso é a excelente vocalista Naimi Stephanie, que imprime muito sentimento com seu canto, e isso fica explícito em faixas como “Let Me Fly” e “Psicostasia”, que tem estruturas bem distintas, mas ambas soam extremamente bem encaixadas dentro do Gothic Metal.

A produção é outro ponto que chama a atenção, por ter deixado tudo muito bem timbrado, tendo como ponto alto uma mixagem que privilegiou a banda como um todo, ou seja, tudo aqui soa bastante unificado, sem sobressaltos.

Excelente lançamento da MS Metal Records, de uma banda que está trilhando o seu caminho rumo ao reconhecimento. Competência pra isso eles têm de sobra, resta trabalharem para colherem grandes frutos no futuro.