Contato Anuncie Loja Baixar Distribuidoras Selos Artistas Clipping Assessoria de Imprensa Quem Somos Serviços Agência Home Notícias Joao Duarte J.Duarte Design www.jduartedesign.com
Resenha: primeiro disco da banda Acid Tree alcança status de master piece no Whiplash

http://www.msmetalagencybrasil.com/ptbr/wp-content/uploads/2012/03/Capa-Acid-tree-1.jpgResenha de CD originalmente publicada pelo portal Whiplash!

Por Fábio Pitombeira

Nota: 10.0/10.0

Recebi este “Arkan”, da banda paulista ACID TREE, tem algum tempo, da sua atual gravadora MS Metal Records. Na ocasião, nos foi solicitado que avaliássemos este trabalho ao término da turnê que os caras estavam fazendo no Brasil, ao lado do renomado vocalista Edu Falaschi (Almah, ex-Angra), em sua bem sucedida carreira solo. Pois bem, na época fiquei sem entender, mas agora a ficha caiu!

Pude estar presente em dois shows desta turnê e vi in loco o trabalho da ACID TREE on stage, o que me fez ter uma percepção muito mais apurada e abrangente quanto a qualidade destes músicos. O grupo aposta em um Metal Moderno, repleto de detalhes e quebras de andamento. Algo bem próximo do que as excelentes Opeth, Anathema e Pain Of Salvation compõem com maestria.

O show é algo mais contemplativo, então dá realmente vontade de ver o trio em cena, e poder ver um Carioca Club de São Paulo, lotado, gritando seu nome, foi algo de arrepiar! Músicas como “Arkan”, “Same Face” e “Adrift”, mesmo com toda sua complexidade, cativam o ouvinte logo em uma primeira audição. Juro que tentei por diversas vezes achar algo que resultasse em uma nota abaixo da máxima, mas não encontrei absolutamente nada. Tudo neste CD é de fato impecável.

Registro aqui os nossos parabéns aos músicos Ed Marsen, Ivo Fantini e Giorgio Karatchuk pelo altíssimo padrão de qualidade imposto neste primeiro registro. Com o suporte que a ACID TREE vem recebendo no Brasil, não vou me espantar de vê-los em breve desbravando outros mercados. Ouvidos bem atentos, pois acredito estar diante de um dos novos medalhões do Metal nacional. Imperdível!