Contato Anuncie Loja Baixar Distribuidoras Empresariamento
Artistas Clipping Assessoria de Imprensa Quem Somos Serviços Agência Home Notícias Joao Duarte J.Duarte Design www.jduartedesign.com Gravadora
Resenha: confira primeira avaliação para o novo álbum da banda baiana Inner Call

https://www.msmetalagencybrasil.com/ptbr/wp-content/uploads/2022/01/Capa-Inner-Call.jpg

Resenha de CD originalmente publicada pelo site Cultura em Peso

Por Enrico Bertaglia

Nota: 08.0/10.0

A veterana INNER CALL finalmente chega ao seu segundo álbum, “Leviathan”, após excelente repercussão do seu EP “Elementals”, cercada por expectativas das mais positivas. Novamente lançada pela MS Metal Records, que também disponibilizou no país os seus dois trabalhos anteriores, a banda agora parece estar mais do que pronta para alçar voos mais altos no cenário.

Com uma arte de capa matadora, condizente com o seu Heavy Metal Tradicional, a INNER CALL já agrada antes mesmo de por a bolachinha pra tocar. Passada essa primeira boa impressão, “Run Man, Run” tem início após uma breve introdução. A faixa meio que já deixa claro o que teremos no decorrer de toda a audição: Heavy Metal visceral, com nítidas influências da escola alemã de Accept e Grave Digger.

O vocalista Roberto Índio é um destaque a parte. Como este cara canta! Ele consegue imprimir muita versatilidade, que caminha por regiões bem distintas, como em áreas que exigem tons mais altos e melodiosos, passando por regiões que necessitam de mais agressividade, se valendo muito bem do uso de drives. É sério, esse cara dá aula, e tudo fica bem evidente em músicas como a faixa título, “Pandemic” e na cadenciada “Creatures of the Night”.

“Leviathan” é de longe o melhor trabalho da INNER CALL, e que promete elevar a banda para patamares mais altos na carreira. Se você é um fã do Heavy Metal e não procura invencionices, pode conferir este disco sem medo, porque ele despeja sinceridade, fidelidade e amor ao estilo.