Contato Anuncie Loja Baixar Distribuidoras Empresariamento
Artistas Clipping Assessoria de Imprensa Quem Somos Serviços Agência Home Notícias Joao Duarte J.Duarte Design www.jduartedesign.com Gravadora
Resenha: novo álbum do Degola é avaliado pelo redator Vanderley Carvalho

Resenha de CD originalmente publicada pelo blog Quality Music Web Radio

Por Vanderley Carvalho

Thrash Metal e Brasília são duas palavras muito ouvidas atualmente por nós. E unindo as duas palavras, tenho em mãos o segundo CD da banda brasiliense DEGOLA, que manda um Thrash de intensa pegada, muita agressividade e pancada na orelha no decorrer desse registro, “Tormenta”. Muito bom quando se tem um trabalho de banda nacional lançado em que dá orgulho em “colocar na vitrine”, para o conhecimento e apreciação dos que realmente curtem um trabalho bem feito, seja o som, a parte gráfica, com qualidade na produção das músicas, encarte e poder enxergar um grande futuro no que depender de sua qualidade musical.

A sonoridade aqui registrada é intensa, rápida e pesada, trazendo a ideia de que ao vivo é ainda melhor. “Tormenta” é um trabalho sério, vigoroso e mostra a evolução do DEGOLA, que impõe um Thrash Metal no mais perfeito trabalho, sem muito o que alterar. São 08 registros com uma rifferama muito bem distribuída, batidas consistentes, vocal com fúria e o baixo detonando em grande estilo. A cada novo trabalho de metal nacional que tomo conhecimento, sinto o quanto lutam, se empenham contra as adversidades que estão presentes na vida de quem tem uma banda e que mesmo apesar da imensa qualidade, não recebem o apoio e reconhecimento devido.

As músicas presentes neste CD são: “Acalmo o Demônio”, “Vejo Você no Inferno”, “Mais Pesado, Mais Rápido, Mais Agressivo”, “Maculado”, “Eu sou a Peste”, “Aqui o Tempo Todo”, “Tormenta” e ainda, “Ao Acaso”. Tente você ouvir e destacar algo, pois seria injusto deixar alguma de fora, visto que na sua totalidade, é um trabalho completo, de nível intensamente igual. Tendo em sua produção a própria banda, a MS Metal Agency Brasil dá suporte a este grande trabalho. Uma capa muito bonita, letras bel criadas, fotos, informações e um encarte legível, coisa que tem faltado em muitas bandas (pelo tom muito escuro). O DEGOLA demonstra ter amadurecido, ganhado confiança e progrediu bastante, o que lhe trará muitos favorecimentos na sua estrada. O fato de terem suas letras em português é algo que divide as pessoas e eu não vejo o porque disso. Por vezes, para retratarmos algo como nossa politicagem por exemplo, um português direto é a melhor solução, assim como para retratar nosso cotidiano com o “jeitinho brasileiro”.

A pancada na orelha é direta, agressiva e intensa. Todos desempenhando com clareza a parte que lhes cabe. E são eles: Flavio Lacerda (vocal), Waldson Farias (guitarra), Victor Hormidas (bateria) e também, Cássio Portella (baixo). Um grande CD e que merece muita atenção (e valorização, claro).