Contato Anuncie Loja Baixar Distribuidoras Empresariamento
Artistas Clipping Assessoria de Imprensa Quem Somos Serviços Agência Home Notícias Joao Duarte J.Duarte Design www.jduartedesign.com Gravadora
Resenha: novo trabalho do Amenize é avaliado pelo redator brasileiro Max Costa

Resenha de CD originalmente publicada pelo blog Metal na Lata

Por Max Costa

Nota: 8.5/10.0

O instrumental moderno e grooveado traz muitas semelhanças com Lamb of God e Pantera. A cozinha pesada com o baixo comendo solto dão suporte aos riffs e às palhetadas abafadas que guiam o andamento das músicas.

As faixas em “Black Sky” não são necessariamente rápidas, mas todo seu peso permite que Bruno Santos saia da região limpa de sua voz, para despejar certeiros guturais rasgados no melhor estilo Phil Anselmo e Randy Blythe. Lembrando ainda que sua voz limpa é também um grande ponto forte, dado todo seu feeling, afinação e potência. Seu drive durante as interpretações mais melódicas lembra muito a atuação de Mauro Henrique no álbum “Depois da Guerra”, do Oficina G3.

Com um estilo fruto desse groove agressivo estadunidense bem trabalhado pelos instrumentos e da melodia bem explorada, nascem oito faixas que seguem basicamente a mesma receita, mas não decepcionam. Destaco “Unlocked”, “Leeches”, “Black Sky” e o ótimo encerramento para o álbum, “The Creator”.