Contato Anuncie Loja Baixar Distribuidoras Empresariamento
Artistas Clipping Assessoria de Imprensa Quem Somos Serviços Agência Home Notícias Joao Duarte J.Duarte Design www.jduartedesign.com Gravadora
Resenha: portal Whiplash evidencia a qualidade do primeiro trabalho do Alefla

Resenha de CD originalmente publicada pelo site Whiplash

Por Fabio Pitombeira

Nota: 08.0/10.0

Nunca fui lá muito fã do saturado “Metal Melódico”, mas como é bom este debut “End of The World”, da banda ALEFLA. Contando com dois vocalistas, um masculino e outro feminino, que se intercalam em algumas faixas, os paulistas acabam por dar novo fôlego ao estilo, com músicas consistentes e cheias de melodia.

A vocalista Fla Moorey é o principal destaque entre os músicos. Na mesma escola da grande cantora Anneke Van Giersbergen, a musicista imprime muita versatilidade e, ainda que esta tenha sido sua primeira experiência em estúdio, demonstrou maturidade digna de veteranos. Ponto mais que positivo. Outro aspecto importante são os flertes com o Progressivo, que apenas acentuam a qualidade de músicas como “Wind Blows… Time Flows” e “Seven Sign”. Ainda assim, mesmo que soe contraditório, as que mais gostei foram as que mais tinham clichês, tais como “Watching Over Me”, que abre o disco, “Miracle”, “Hope To Live” e “Killing Sparrow”, esta última que foi o primeiro single trabalhado no disco, e que rendeu um ótimo videoclipe.

Lançado no Brasil pela MS Metal Records, “End of The World” surpreende e pode (porque não?) resgatar um segmento que muitos davam como morto e enterrado. Indicado para fãs do Angra, Almah (dois primeiros trabalhos), Stratovarius, Vision Divine e Time Machine.